café hacker offline

Postagens do blog do CAFÉ HACKER voltam a ser públicas

Em atenção à legislação eleitoral, a Controladoria Geral do Município precisou adequar as postagens deste portal eletrônico de divulgação de atividades da pasta, limitando-as à prestação de informações sobre serviços públicos durante a vigência do referido marco legal.

 giphy

Extinta a restrição em razão do fim do pleito, o Blog torna novamente públicas as suas postagens.

Obs.: Por uma falha na configuração de um plug-in, os assinantes das postagens do blog receberam notificações de posts antigos em suas contas de e-mail como se fossem novas postagens. Pedimos desculpas pelo ocorrido, que já foi devidamente contornado.

CC0 Public Domain

Café Hacker Oficina busca ferramentas tecnológicas para ampliar segurança das mulheres no espaço público

Projetos em debate tem base em informações sobre a infraestrutura e violência do município.

Na manhã do sábado de 12 de dezembro, cerca de trinta pessoas começavam seu dia em uma sala na região da Luz, no centro de São Paulo, separando-se em grupos para analisar informações referentes à segurança da população feminina e pensar em como usá-las a fim de tornar a cidade mais segura para as mulheres.

Estava começando o Café Hacker Oficina, uma atividade promovida pela Controladoria Geral do Município de São Paulo, pela Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, pelo Departamento de Iluminação Pública (SES / ILUME) e pelo LabHacker, um laboratório de projetos que relacionam participação política e tecnologia. Continue lendo

Novo Decreto permite maior acompanhamento sobre a classificação de documentos sigilosos da Prefeitura de São Paulo

Confira a versão consolidada do Decreto 53.679/12, com as alterações promovidas pelo decreto 54.779 em 2014 e, pelo decreto 56.519/15, publicado no último sábado,17 de outubro:
(caso queira ver consultar as redações suprimidas para comparar as versões, clique aqui)

Legenda:

Texto sem formatação: Decreto 53.623/12

Texto vermelho: Decreto 54.779/14

Texto verde: Decreto 56.519/15

CAPÍTULO I

DISPOSIÇÕES GERAIS

Art. 1º. Este decreto regulamenta a Lei Federal n° 12.527, de 18 de novembro de 2011, no âmbito do Poder Executivo, estabelecendo procedimentos e outras providências correlatas a serem observados por seus órgãos e entidades, bem como pelas entidades privadas sem fins lucrativos que recebam recursos do Município para a realização de atividades de interesse público, visando garantir o direito de acesso à informação, conforme especifica.

Parágrafo único. O direito de acesso à informação de que trata este decreto não exclui outras hipóteses de garantia do mesmo direito previstas na legislação municipal, em especial nas Leis nº 13.135, de 6 de junho de 2001, e nº 13.284, de 9 de janeiro de 2002.

Continue lendo

comemora_cafehacker

Café Hacker vai abrir base de todos os pedidos de informação registrados na Prefeitura de São Paulo

Controladoria Geral tratou o conteúdo para remover informações pessoais e criará rotina para publicar as bases periodicamente

Em comemoração ao Dia Internacional do Direito de Saber (28/9), a Prefeitura de São Paulo anuncia a abertura de mais de 6.500 pedidos de informação. As bases, que passarão a ser divulgadas no Portal da Transparência, estão sendo tratadas pela Controladoria Geral do Município (CGM-SP) para remoção de informações pessoais, que são protegidas pela legislação.

Neste momento, foram incluídos todos os pedidos já realizados desde o início da operação do Sistema e-SIC, em agosto de 2012, até maio de 2015. Além da divulgação das bases em formato aberto, a CGM-SP está desenvolvendo a plataforma “Pedido Respondido!”, onde será possível consultar de forma rápida por palavra-chave e por órgão da Prefeitura.

Continue lendo

CafeHackerMulheres-Divulga

13ª edição do Café Hacker discute abertura de dados sobre políticas para as mulheres

Evento ocorreu em Guaianases, na Biblioteca Cora Coralina, primeira unidade da capital paulista com a temática feminista

Na última terça-feira (15/09), a Controladoria Geral do Município (CGM), por meio da Coordenadoria da Promoção da Integridade (COPI), promoveu mais um Café Hacker na cidade de São Paulo.

Nessa edição, realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMPM), foi possível debater o acesso a informações e dados que estão em posse do poder público, com recorte de gênero, e aqueles que ainda precisam ser abertos para o acompanhamento do tema.

Continue lendo

CafeHackerMulheres

Acompanhe a Transmissão do Café Hacker Políticas para Mulheres

 

Estamos às vésperas da 5ª Conferência Municipal de Políticas para as Mulheres, e para levantarmos subsídios para a atividade, a Controladoria Geral do Município (CGM) e a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMPM) vão realizar um Café Hacker para debater o acesso a informações e dados com recorte de gênero.

Esta é a 13ª edição do evento que acontecerá na Biblioteca Cora Coralina, a primeira com temática feminista de São Paulo, inaugurada em julho deste ano no bairro de Guaianazes.

Café Hacker – Políticas para as Mulheres

  • Data: 15 de setembro de 2015
  • Horário: de 9h30 a 12h30 (debate) e de 14h00 a 17h00 (oficina)
  • Local: Biblioteca Cora Coralina – Próxima à estação Guaianazes da CPTM. Veja no mapa como chegar;
  • Endereço: Rua Otelo Augusto Ribeiro, 113
  • Mais informações: www.cafehacker.prefeitura.sp.gov.br

 

Saiba mais sobre o Café Hacker:

Desde agosto de 2013, foram realizados doze encontros, com público estimado de quase 1.400 pessoas, contando a presença física e o acompanhamento pela internet.

Em agosto de 2015, o projeto foi finalista do Prêmio CONIP, que reconhece iniciativas inovadoras na área de tecnologia no setor público em todo o país.

CafeHackerMulheres

‘Café Hacker’ vai debater abertura de dados sobre políticas para as mulheres na cidade de São Paulo

Participantes também poderão aprender a construir tabelas e gráficos em uma oficina com os dados; evento vai apresentar contribuições à 5ª Conferência Municipal sobre a temática

Às vésperas da 5ª Conferência Municipal de Políticas para as Mulheres, a Controladoria Geral do Município (CGM) e a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMPM) vão realizar um Café Hacker para debater o acesso a informações e dados com recorte de gênero.

O evento, em sua 13ª edição, acontece em 15 de setembro (terça-feira) na Biblioteca Cora Coralina, primeira biblioteca com temática feminista de São Paulo, inaugurada em julho deste ano no bairro Guaianazes.

Continue lendo

O governo está aberto: entre que a casa é sua!